Mais um herói que regressa vitorioso de muitos desafios pelo Mundo fora, com o seu Ribatejo sempre no peito. No alforge traz a portugalidade elevada ao expoente máximo, baseada nas glórias simples que na alma foi depurando. No Casa Chef Victor Felisberto, estamos em casa de um grande português.

É preciso ter Mundo para dar mais valor ao pormenor escondido que à ribalta do grande palco. A pressão da comunidade gourmet tem o efeito positivo de mostrar o valor de quem o tem, mas não consegue livrar-se do aspeto negativo da moda e da predominância da imagem sobre a experiência da mesa. Os telefones servem hoje mais para fotografar do que para conversar e aí estão os milhões de imagens de pratos, marcas e experiências a dominar as atenções. Nada de mal nisso, mas o ruído é grande e impede muitas vezes que se instale a paz que é determinante para saborear, partilhar e perceber a arte culinária autêntica.

Ver Notícia Completa: Evasões

0 Reviews

Write a Review